Dicas

Noticias

Cachorro obeso: Como oferecer mais qualidade de vida ao pet?

Para alguns, a aparência do cachorro obeso torna-se fofa e engraçada, mas o excesso de gordura pode estar associado à diferentes tipos de doenças e prejudicar o bem-estar do animal.

Assim como em humanos a obesidade também é muito prejudicial aos cães. Ela pode ocasionar diabetes, hipertensão, artrite, artrose, entre outras doenças. Além disso, o cachorro pode sofrer com pressão no pulmão, rim, coração, bem como desenvolver problemas respiratórios.

Rotina de exercícios para os cães obesos

A atividade física é um eficiente meio para ajudar o cachorro obeso a chegar ao peso ideal. Não deixá-lo apenas dentro de casa contribui para um estilo de vida muito mais ativo e saudável.

Para que os exercícios sejam os ideais para o seu animal de estimação, lembre-se de levá-lo ao médico veterinário para que ele possa alinhar a alimentação e a atividade física.

Peso ideal para cada porte de cachorro

É muito importante saber que cada raça de cachorro possui características próprias que também contribuem para o desenvolvimento da obesidade. Isso acontece porque o fator genético afeta diretamente o organismo do animal. Por esse motivo é tão importante realizar um acompanhamento com um veterinário.

O médico veterinário consegue avaliar a idade, sexo, histórico de castração, entre outros fatores que contribuem com a obesidade canina.

Um dos meios de se avaliar se o cão é obeso é por meio do Escore de Condição Corporal (ECC), que identifica se o peso do animal está adequado.

A tabela abaixo identifica 5 raças que desenvolvem a obesidade de uma forma mais fácil que outras. Nas segundas e terceiras colunas, apontamos o peso ideal para machos e fêmeas.

Peso ideal para 5 raças de cachorro com tendência à obesidade

Raça

Macho (Kg)Fêmea (Kg)

Basset Hound

29 – 34

22 – 29

Chihuahua

0,9 – 2,7

0,9 – 2,7

Cocker Spaniel

11 -13

9 -11

Golden Retrivier

29 – 34

25 – 29

Schnauzer Miniatura7 – 8

5 – 7

Fonte: UFG

Ração para o cachorro obeso

O mercado de produtos alimentícios para cães evoluiu e já investe em rações apropriadas para os animais que estão acima do peso ideal.

Na hora de escolher a marca da ração, leve em consideração:

  • A quantidade de proteína (importante para a massa muscular do animal);
  • Balanceamento dos nutrientes como vitaminas e os minerais.

Para que a qualidade supra as necessidades do cachorro sem que ele ganhe peso, o ideal é seguir as recomendações do veterinário para que o bichinho possa ter uma dieta equilibrada.

Agende uma consulta com o veterinário!