Dicas

Noticias

Dermatite Canina: O Que Você Precisa Saber

Você já deve ter ouvido falar sobre a dermatite canina. Essa doença está presente em muitos pets, sendo cachorros ou gatos, e também pode ser causada por diversos fatores. Para entender melhor sobre essa enfermidade, leia o artigo até o final e descubra mais.

O que é a dermatite canina?

A dermatite canina pode ser definida como uma enfermidade que acomete a pele dos bichinhos, causando alguns sintomas incômodos como coceira e vermelhidão. Em função disso, o pet que se coça muito acaba provocando pequenas feridas em sua pele. Esse desconforto é prejudicial para o animal e pode ainda provocar outras doenças, até mesmo infecções.

Além disso, é importante mencionar também que algumas raças já estão mais suscetíveis a ter dermatite de pele, como o Lhasa Apso, Shi-Tzu, Poodle e o Golden Retriever.

O que causa a dermatite em cães?

Muitos fatores podem provocar a dermatite canina, de filhotes aos adultos. Confira alguns agentes causadores da doença:

  • Principalmente em filhotes, que ainda possuem baixa imunidade, os agentes que provocam em sua maioria são fungos e até mesmo micoses;
  • As pulgas facilitam o aparecimento da doença, já que causam muita coceira;
  • Alguns produtos em contato com o animal também causam a dermatite, como ácidos, detergentes, produtos químicos, corantes e outros;

Tenha em mente que muitas podem ser as causas, principalmente se seu cachorro já possui certa sensibilidade na pele. Portanto, sempre que ele apresentar muita coceira, vermelhidão e até mesmo feridas, procure um médico veterinário para saber a real causa e proporcionar o tratamento adequado.

Como identificar a dermatite canina?

Como citamos acima, os sintomas da dermatite canina são coceira excessiva, insistência em lamber um local, vermelhidão e na pior situação, feridas na pele. Se seu bichinho apresentar esses sintomas, investigue imediatamente a causa e procure um profissional.

Quais os tratamentos são indicados para curar a dermatite canina?

Neste momento, se você chegou até aqui, pode estar se perguntando: “então, a dermatite do meu cachorro tem cura?”. A resposta é sim! Porém, saiba que por ter diversos fatores que causam a doença, os tratamentos também se diferem.

Como tratar dermatite canina

Portanto, não caia na onda de seguir receitas caseiras ou indicações de outros donos de animais. O tratamento de um bichinho raramente será o mesmo para o outro. Apenas um veterinário será capaz de investigar e determinar a causa desse problema de pele. Se possível, procure ainda um médico veterinário especializado no assunto, como a dermatologia canina que temos aqui na Alpha Conde.

Depois disso, o especialista irá determinar qual o tratamento. Geralmente, dependendo do avanço da doença, o processo pode ser de longo prazo, com uso de medicamentos constantes, como shampoos específicos, pomadas e loções antissépticas.

Dicas para prevenir a doença: o que fazer?

Se você já sabe que seu cãozinho possui problemas de pele, existem algumas sugestões para seguir no dia a dia e prevenir a dermatite canina. Neste caso, opte sempre por manter o local de convivência limpo e longe de produtos de limpeza, agentes químicos e detergentes.

Para cachorros de pelos longos, o ideal é sempre escovar para não deixar que crie nós e cause ainda mais coceiras no animal. Tome cuidado também com alguns alimentos que também podem causar a dermatite.

Portanto, qualquer sinal de problemas, fale com a Alpha Conde e nossos especialistas tratarão do seu animalzinho com toda atenção!