5 Dicas de Como Aumentar a Imunidade do Cachorro

5 Dicas de Como Aumentar a Imunidade do Cachorro

Você tem aquele amigo que sempre está gripado, com coriza ou algum problema de saúde? A baixa imunidade pode nos deixar dispostos a contrair doenças com mais facilidade, já que nosso organismo não tem anticorpos suficientes para combatê-las. O que você talvez não saiba é que os cães também podem passar por isso. A imunidade está ligada a diversos fatores — externos e internos, como aspectos ambientais ou mesmo, problemas de saúde já existentes. Continue a leitura e descubra cinco formas de como aumentar a imunidade do cachorro!

Confira como aumentar a imunidade do cachorro

A imunidade está ligada a resistência que o corpo tem de responder às agressões que sofre diariamente. Quando o sistema imunológico está equilibrado, os riscos de contrair doenças são reduzidos, pois o animal fica menos vulnerável.

Por isso, se você tem notado que seu cão está abatido, aparenta cansaço mais do que o normal e não tem se alimentado bem, fique atento, pois estes são alguns sinais de que seu pet pode estar sofrendo de queda de imunidade.

Antes de tudo, é importante ressaltar que todas as sugestões abaixo devem ser acompanhadas por um veterinário. Assim, seu cão receberá o tratamento correspondente as suas necessidades. Vamos nessa:

descubra como aumentar a imunidade do cão

    1. Suplementos alimentares

Alguns cachorros podem sofrer de falta de nutrientes importantes para fortalecer o sistema imunológico, então completar sua dieta com alguns suplementos não faz mal, já que servem como vitaminas para mantê-los mais fortes. Leve seu pet em uma consulta para ter uma avaliação e assim identificar qual tipo de nutriente ele precisa e as dosagens necessárias. Probióticos, óleo de peixe e cúrmuna — presente no açafrão, são algumas das recomendações.

       2. Alimentação

Se quiser quebrar um pouco a rotina alimentar do cão, vale a pena investir em alguns alimentos fora do cardápio de ração. Opte por carne magra, ovos, cenoura, iogurte, maçã (sem semente), melancia, pipoca sem sal ou manteiga, e alho — que apesar de não ter um gosto muito agradável, quando ingerido duas vezes por semana aumenta a imunidade do animal. Mas lembre-se, principalmente aos pets que têm outros problemas de saúde, é preciso consultar um veterinário e checar se esses alimentos podem entrar na dieta dele. Dê algumas porções por dia e veja a diferença.

       3. Prática de exercícios

Fazer atividades físicas é comprovadamente uma forma natural de como aumentar a imunidade do cachorro. Cuidar da saúde dessa maneira faz bem tanto para humanos quanto animais, pois podem manter a boa forma juntos, por isso, não deixe de fazer caminhadas ou leves corridas com seu cão. Isso fará o condicionamento físico dele aumentar, protegendo sua imunidade e aumentando a resistência no combate a problemas de saúde.

       4. Vermifugação e vacinação

Como anda a carteirinha de vacinação de seu pet? Apesar de ser um cuidado fundamental, alguns donos só se preocupam em vacinar e vermifugar os cães quando filhotes. Erro grave. Mantenha regularidade nas visitas ao veterinário e o check up de seu animal atualizado. Esses procedimentos garantem qualidade de vida e combatem alergias, infecções, problemas de pele e até doenças graves. Vacinação e vermifugação são fundamentais.

       5. Ambiente

Fatores externos também influenciam na imunidade do cão. Ambientes úmidos, sujos e com poeira aumentam as chances de contrair doenças. Outro ponto a ser considerado, é o local onde o animal vive ou permanece boa parte do tempo. Locais socialmente desequilibrados podem estressar os animais, além disso, viagens longas ou viver em locais úmidos e com pouca ventilação agridem a saúde diminuindo sua resistência. Por isso, é importante cuidar também da parte emocional do seu pet. Um ambiente com amor pode fazê-lo recuperar a energia e o deixar feliz e com condições essenciais para ter qualidade de vida.

Causas que contribuem para queda de imunidade

É importante destacar também, alguns fatores que podem ser determinantes para colaborar com a baixa da imunidade do cão, veja:

  • Verminoses;
  • Agressividade;
  • Problemas de saúde;
  • Stress;
  • Idade;
  • Alergias.

Consulte sempre um veterinário de confiança

Procure se manter atento a mudanças de comportamento de seu pet e mantenha a rotina de visitas regulares ao veterinário. Não esqueça de consultar um profissional antes de testar formas não naturais de como aumentar a imunidade do cachorro (como o uso de suplementos) e conte sempre com a Alpha Conde. Nossa clínica veterinária possui um laboratório diagnóstico e médicos veterinários especializados em diversas causas para ajudar seu amigo a ter bons anos saudáveis ao seu lado!

Outros artigos